Site de notícias de automóveis

Yamaha XT 660 em 2024: A Lenda Aposentada Que Continua Encantando Motociclistas

Lendária Yamaha XT 660 R em 2024: Por que ela é tão idolatrada mesmo aposentada?

Aposentada há mais de seis anos, a Yamaha XT 660 R ainda é lembrada com carinho e saudosismo pelos motociclistas.

Seu status lendário a torna uma das motos mais cobiçadas no mercado de usadas, com preços que variam entre R$ 25.000 e R$ 33.000, dependendo do ano e estado de conservação.

Parece caro para uma moto usada? Pode até ser, mas quem conhece a história e os motivos que fazem a XT 660 R ser tão adorada, entende o valor.

Yamaha XT 660 2024 2
Foto/Reprodução: Yamaha

Yamaha XT 660 em 2024: A Lenda Aposentada Que Continua Encantando Motociclistas

A XT 660 R herdou o legado de modelos icônicos como a XT 600Z Ténéré e a XT 600 E, mas conquistou seu espaço ao inovar tanto no design quanto no desempenho.

No entanto, a XT 660 R representou um novo marco para a marca, com um projeto inteiramente novo, que não compartilhou nenhum parafuso com suas antecessoras.

O sucesso foi imediato, consolidando-se como uma das preferidas dos motociclistas aventureiros e também das forças policiais, pela robustez e confiabilidade em diversas situações.

Qual a velocidade máxima da 660?

O motor monocilíndrico de 659 cm³ deste modelo produz 48 cavalos de potência e 5,95 kgf.m de torque, oferecendo respostas ágeis e uma pilotagem dinâmica, com uma velocidade máxima de 170 km/h.

Além disso, a XT 660 R era versátil o suficiente para encarar trilhas e vias urbanas com a mesma desenvoltura.

Foi a queridinha das forças policiais e dos aventureiros, graças à sua suspensão elevada, que lhe permitia superar obstáculos e terrenos acidentados sem problemas.

Claro, a largura do guidão dificultava um pouco as manobras entre os carros na cidade, mas o motor respondia tão rápido que compensava qualquer dificuldade.

Mesmo sendo idolatrada por muitos, incluindo grupos exigentes como as forças policiais, a XT 660 R deixou o mercado precocemente, sem um modelo substituto direto.

Por que a XT 660 saiu de linha
Foto/Reprodução: Yamaha

Por que a XT 660 saiu de linha?

A Yamaha XT 660 R teve sua produção encerrada em 31 de janeiro de 2018, devido à Resolução nº 509 do Contran, que exigia freios ABS para todas as motocicletas de média e alta cilindrada.

Apesar de ter potencial para receber a atualização, a Yamaha optou por descontinuar o modelo.

  • Fim da Linha: A aposentadoria da XT 660 R marcou o fim de uma era para os fãs de motos trail da Yamaha.
  • Ausência de Substitutas: A XTZ 660 Ténéré também havia sido aposentada em 2017, e a tão aguardada Ténéré 700 não foi lançada no Brasil.

Na Europa, a XT 660 R não estava disponível desde 2016, quando a Yamaha já considerava a substituição pela Ténéré 700.

Contudo, devido a custos e estratégias de mercado, a Yamaha do Brasil optou por não atualizar a XT 660 R nem lançar a nova T7.

Yamaha XT 660 2024 6
Foto/Reprodução: Yamaha

O Legado da Yamaha XT 660 R

Hoje, a ausência de um modelo substituto faz com que os fãs da XT 660 R busquem outras alternativas ou se apeguem às suas motos antigas.

A Yamaha tem apenas as pequenas Crosser 150 e Lander 250 no segmento trail, deixando um vácuo considerável no mercado.

  • Fãs Saudosistas: Mesmo após seis anos de aposentadoria, a XT 660 R permanece cobiçada e valorizada no mercado de motos usadas.
  • Carisma e Versatilidade: O modelo conquistou uma base de fãs leais pela sua versatilidade, confiabilidade e robustez.
  • Esperança no Futuro: Apesar dos rumores sobre o lançamento da Ténéré 700 no Brasil, ainda não há confirmação oficial.

Leia também:

Bajaj Dominar 200 ou Yamaha Fazer 250: Qual é a Melhor Alternativa Econômica?

SHI 175: Moto Trail Econômica e Acessível por Apenas R$ 13.490,00

Ninja ZX-6R 2025 no Brasil: Chegou a Superesportiva dos Sonhos!

A XT 660 R representa um capítulo especial na história das motocicletas trail no Brasil, e sua ausência deixa saudade nos corações dos apaixonados por aventura.

A Yamaha XT 660 R continuará sendo lembrada como um ícone entre os amantes de motocicletas no Brasil.

A combinação de desempenho, versatilidade e carisma da “Meiota 660” da Yamaha conquistou uma legião de fãs que ainda sonham com uma sucessora à sua altura.

Como mencionado anteriormente, apesar do preço elevado no mercado de motos usadas, sem dúvida, a rica história deste modelo justifica plenamente sua aquisição.

Quer continuar acompanhando as últimas histórias e notícias sobre carros e o universo das motos?

Então, siga @NoticiasSobreAutomovel e compartilhe este artigo com quem você acha que vai gostar também!

Advertisement
Deixe um comentário